• Titulo 1 Receitas deliciosas para você arrasar na cozinha!
  • Titulo 2Dicas e posts de ajuda para blogueiros/as
  • Titulo 3Papo sobre relacionamentos, amor, separação...
  • Titulo 3Tecnologia, partilha de dicas e muito mais!
  • Titulo 3Depoimentos e histórias
1 2 3 4 4
Image Slideshow by WOWSlider.com v4.8

Estou muito confusa, pois apesar de gostar muito desse rapaz, meu ex apesar de tudo sempre foi meu companheiro.


Leitora:Olá! Minha história é a seguinte: Com 14 anos de idade, eu conheci um colega do meu irmão. Fomos nos conhecendo, ficamos uma primeira vez e logo depois, começamos à namorar. No início do nosso relacionamento sofri muito pois como ele tinha apenas 18 anos, estava justamente naquela fase de querer curtir, sair, badalar, enfim... Na época eu era muito nova, e não podia frequentar os lugares dos quais ele frequentava, então ele sempre saia para as baladas e eu ficava em casa chorando, pois ele ia contra a minha vontade. Após algum tempo, cerca de 3 meses de namoro após ter ido em uma dessas baladas, ele me confessou ter beijado outra menina, porém disse que não foi nada sério e se arrependeu. Apesar de ter ficado muito magoada, o perdoei. Ele cessou as noitadas, porém sempre tinha umas "amigas" à nos incomodar, ficavam mandando indiretas e se insinuando pra ele na minha frente, o que me deixava muito enciumada. O questionava à respeito mas ele sempre dizia que  não tinha nada haver. Ele é católico e sempre foi muito apegado com a mãe, porém esta não gostava de mim, pois ele sempre falava pra ela que eu era muito ciumenta e ela chegou até mesmo a mandar ele terminar comigo, e ele terminou. Ficamos separados e mesmo me ligando todos os dias e dizendo que me amava, ele não voltava pra mim, pois queria que eu convencesse a mãe dele a aceitar nosso namoro, decidi então conversar com ela e ela acabou aceitando, porém algo que me deixou muito triste, foi o fato de eu ter falado pra ela sobre essa traição que ele havia cometido e ela ter caracterizado o ato como apenas um beijo. Isso me deixou muito chateada com ela, e eu nunca consegui me relacionar muito bem com a mesma, à sentia indiferente. Com o tempo o nosso relacionamento melhorou, porém sempre que ocorria alguma briga, por mais insignificante que fosse o motivo ele terminava comigo. Chegamos à terminar mais de 10 vezes, sempre era ele quem tomava a decisão, e eu sempre corria atrás dele mesmo estando certa na maioria das vezes. Ele me humilhava, e como trabalha em academia chegou à ponto de dizer  para alguns dos amigos que temos em comum que não me queria, pois tinham várias garotas correndo atrás dele. Mesmo depois disso, voltei com ele por insistência minha, e após algum tempo depois de uma discussão, ele comprou uma aliança de noivado e me deu, porém não fez nada que me deixasse realmente feliz, nem um jantar, nada.. Aceitei, fizemos as pazes, porém após algumas semanas voltamos às brigas. Terminamos novamente e nesse meio tempo, pela primeira vez, me permitir conhecer uma outra pessoa, um rapaz que conhecia apenas de vista na época de escola. Conversávamos mais por internet, quase nunca pessoalmente, e ele sempre me tratou muito bem, me tratava como uma verdadeira princesa, aos poucos fui me envolvendo com ele. Ficamos, ele me levava pra passear em parques coisa que meu ex nunca fazia, mesmo eu insistindo muito, o que nos fazia passar a maior parte do tempo em casa. Com esse rapaz vivi momentos maravilhosos. Ele nunca me desrespeitou, sempre respeitava os meus limites. Apesar de tudo estar indo muito bem, tinha medo de estar fazendo a coisa errada, e estar trocando o homem que eu realmente amava por uma aventura, decidi então voltar com meu ex. Deixei esse rapaz muito chateado, pelo que percebi ele sofreu muito, ficamos uns dois meses sem nos falar e nesse meio tempo ele ficou com outra pessoa. Não conseguia tirar esse rapaz da minha cabeça, então decidi ter uma conversa franca com meu namorado e decidi terminar com ele pra ficar com esse outro rapaz, tinha também o fato dele querer morar com os pais dele depois de casados o que eu não aceitava e ele não abria mão. Voltei à ficar com o rapaz que havia conhecido, porém meu ex me procurou e eu fiquei balançada, mais uma vez o sentimento de culpa tomou conta de mim, acabei me afastando do ficante. Não voltei com o ex, pois por mais que seja difícil aceitar, eu não o amo mais como o amava, talvez até amo como um amigo, mas não como era antes. Tentei me reaproximar do ficante e este me desprezou um pouco, disse que gostava de mim, que queria ficar comigo e até namorar mas queria colocar os pensamentos no lugar. Aceitei, porém surgiu uma "pulga atrás da orelha" e imaginei que ele estivesse ficando com e a outra menina. Fui a um dos parques dos quais fomos algumas vezes e por algum motivo, o encontrei lá.. Só que para minha surpresa, ele estava acompanhado da menina que ele havia ficando anteriormente. Ele não me viu, então os acompanhei de longe por cerca de 1 hora, eles não ficaram de mãos dadas e durante o tempo que os observei, eles não se beijaram, mas estavam sós e isso me deixou muito angustiada. Senti raiva, mas ao mesmo tempo, sabia que eu havia errado com ele. Estou tentando me reaproximar dele e ele até tem correspondido, inclusive perguntou quando poderemos nos ver novamente, respondi que poderíamos marcar algo para o fim de semana. Ele concordou, e disse pra irmos conversando, nada certo até o momento, mas ele me manda mensagem todos os dias perguntando como estou. Gosto muito desse rapaz, mas tenho medo que ele seja um cafajeste e me faça sofrer. Pra completar a situação, o meu ex agora está correndo atrás de mim, conversa comigo e diz que gostaria de uma nova chance pra nós dois, querendo ou não, acabei dando esperanças à ele pois estava magoada por ter visto meu paquera com outra e acabei achando que a coincidência de tê-los visto naquele dia, tão por acaso, foi um sinal de Deus, dizendo que este homem não é pra mim. Estou muito confusa, pois apesar de gostar muito desse rapaz, meu ex apesar de tudo sempre foi meu companheiro, me tratava e trata bem, é um ótimo homem, de família, frequenta igreja semanalmente e tudo, o que me faz ter uma grande admiração por ele. Por favor, me dê um conselho, sei que às vezes se torna difícil de enxergarmos certas coisas. Desde já muito obrigada!!
Você vai ter que tomar uma decisão pois parece que só teve atitudes erradas tanto com um rapaz como com o outro e com os dois não dá pra ficar.
O que te falta é ter mais atitude com esse seu ex e aprender a dizer não para os homens e não ficar nas mãos deles.
Se você se relacionou com o outro rapaz e viu que ele te tratava como uma princesa, por que voltou com seu ex que só te tratava mal?
O seu ex pintou e bordou contigo, te traiu, falou que tem várias mulheres atrás dele, teve uma atitude infantil de terminar o namoro porque tinha que ter aprovação da mãe dele, disse que não te queria ou seja só te fez coisas ruins.
E você ainda o quer de volta?Para que? Quer passar tudo de novo?Ser humilhada por ele novamente?
Tenha um pouco mais de amor próprio pois seu ex só te quer do lado dele por conveniência e não por amor.
Vou te dar uma dica, quando um namoro acaba, nada de ficar ligando sem parar, mandando mensagens, indo atrás do ex e nem ficar implorando para que ele volte, pois amor tem que ser espontâneo e não forçado como você fez com seu ex.
Ele voltou contigo por dó e insistência sua ou seja para ficar livre de amolação e chatice.
Seu ex frequenta igreja, mas tudo que é falado e ensinado lá dentro, aqui fora faz o oposto, um exemplo é o que ele fez contigo.
Não adianta nada ir na igreja se aqui fora não tem atitude de uma pessoa católica e ele não tem.
Outra coisa não coloque Deus no meio das coisas que acontecerá na sua vida, ele não tem nada a ver com isso.
Deus jamais gostaria que seu ex te traísse, humilhasse e fizesse o que ele fez, pois Deus não quer que aconteça coisas ruins conosco que somos seus filhos.
Seu ex não é nada do que você escreveu nesta frase:" meu ex apesar de tudo sempre foi meu companheiro, me tratava e trata bem, é um ótimo homem, de família, frequenta igreja semanalmente e tudo, o que me faz ter uma grande admiração por ele", pois se fosse não teria tido as atitudes que você escreveu que ele teve contigo.
Imagina se ele fosse ruim ,então...
Acorda para vida, seu ex só zoou com a sua cara e você ainda vê companheirismo, tem admiração por ele, diz que ele é um homem de família e ótimo?
Eu quero teu ex bem longe de mim...
Porque de pessoas assim o inferno está cheio.
Analisando bem o rapaz da internet percebeu que você estava o fazendo de bobo e resolveu tocar a vida dele para frente, pois você o trocou por seu ex que não tem nada de príncipe está mais para capitão gancho.
Eu te aconselho a fazer uma escolha e tentar amadurecer um pouco.
Se você quer passar tudo de novo com seu ex, dê uma segunda chance a ele e se arrependa amargamente.
Ele te pediu segunda chance porque sabe que você boba vai dar, pois não sabe falar não para ele.
Se fosse outra mulher, já teria dispensado ele a muito tempo.
Eu o dispensaria, já na primeira traição.
Se você quer dar uma oportunidade para o outro rapaz esteja ciente que pode ser ruim como também pode ser bom.
O melhor é você ficar sozinha.
Te Cuida!Espero ter te ajudado!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

0 comentários:

Postar um comentário



Receitas da Millena

Atualidades

Relacionamentos

Internet