• Titulo 1 Receitas deliciosas para você arrasar na cozinha!
  • Titulo 2Dicas e posts de ajuda para blogueiros/as
  • Titulo 3Papo sobre relacionamentos, amor, separação...
  • Titulo 3Tecnologia, partilha de dicas e muito mais!
  • Titulo 3Depoimentos e histórias
1 2 3 4 4
Image Slideshow by WOWSlider.com v4.8

Por que você está solteira?

Ultimamente,essa é uma das perguntas que as pessoas mais me fazem.
Nossa você é uma mulher prendada, tem corpão e super gente boa, não sei porque ainda não se casou?
Millena, você precisa se casar!
Por que?Aonde está escrito que eu tenho que me casar?
Eu não estou interessada em casamento e ainda mais se for pra ser infeliz!
Aquele rapaz te cantou e você nem se interessou?
Você viu o tamanho da aliança no dedo dele?
Ele é casado e eu jamais seria amante e acusada de destruir o casamento dos outros.
E ainda tem aquelas pessoas que me perguntam, se eu sou homossexual e por isso estou solteira?
Não sou homossexual e não teria problema algum em assumir se fosse, mas sexualidade não tem nada a ver com estado civil.
Entre paixões, amores, desamores, sofrimentos, decepções, traições e enganações...
Eu estou convicta de que ficar solteira para mim é o melhor.
E quando falo isso as pessoas não acreditam e começam a achar estranho duvidando que realmente eu não quero estar solteira de verdade e sim que é uma mentira.
Parece que as pessoas quando escutam que as outras estão solteiras é como quem diz que está com uma doença grave, cometeu um pecado capital ou assassinou alguém.
Sabe, realmente não entendo essas pessoas que colocam o fato de encontrar uma pessoa como sendo um dos objetivos primordiais da vida. 
O que acaba acontecendo é que elas acabam se relacionando com pessoas que as humilham , agridem, desprezam, aprontam, traem ou seja são relacionamentos que por mais que se empurre com a barriga eles acabam terminando cedo ou tarde.
Eles deixam marcas, mágoas, sofrimentos e medos de que tudo venha a acontecer novamente.
E acredite se quiser tenha uma boa chance de acontecer, porque as pessoas se agarram no primeiro cafajeste ou na primeira periguete que aparece.
Nós aceitamos o amor que pensamos que merecemos, mas, nós merecemos amores bem melhores!
A gente precisa acordar e reconhecer cada verdade que está dentro de nós na nossa cabeça.
Precisamos aceitar que somos merecedores de amor, não de migalhas. 
Somos todos capazes de dar e receber amor.
Não se jogue desesperadamente no primeiro cara que for gentil com você. Conheça-o. 
Não fique de queixo caído pela moça encantadora que você conheceu brevemente. 
Espere para entender se ela sente o mesmo e se é possível construir algo a partir dali.
Prepare o terreno para as possíveis chegadas. 
Prepare-se também para as partidas, porque elas acontecem.
Prepare o seu coração para quem vier. 
Prepare a sua mente para as possíveis confusões que podem surgir.
Jamais se submeta a coisas que não gostaria de fazer só porque o outro gostaria que você fizesse. 
Você precisa repetir para si e para o outro que cada um é cada um e que as coisas podem ser combinadas e conversadas, não impostas.
O que percebo são pessoas abraçando seus relacionamentos como quem segura uma boia em um naufrágio. Como se aquela fosse sua última chance de sobrevivência. 
Mesmo que percebam que o amor acabou entre eles, teimam em dizer que amam aquela pessoa e que é recíproco.
Eu não quero uma vida assim. 
Eu vejo pessoas namorando para não terem que dizer que estão solteiras, se casando pra não ficarem sozinhas, por pressão da sociedade ou da família, por imposição das outras pessoas já que estão juntos a anos e sempre tem uma certa cobrança de quando irão firmar um compromisso mais sério como o casamento.
Elas se casam e de repente surge a notícia, nos separamos, mas, por que?
Por incompatibilidade de gênios.
Mas, namoraram por anos e foram descobrir que os gênios são incompatíveis só depois do casamento?
Óbvio, que não.
Elas sabiam que não dariam certo, mas, preferiram arriscar a ter que encararem a realidade e viverem a solteirice.
A solidão assusta e dá medo nas pessoas, mas, em mim, não,prefiro ficar sozinha que acompanhada e frustrada.
Conheço pessoas solteiras que estão desesperadas para arrumar alguém, elas vivem baixando aplicativos de namoro para encontrar alguém interessante e disposto a ter algo sério, mas, só acham traste e tranqueiras. Também conheço aqueles casais que para as outras pessoas fingem estarem felizes, mas, a realidade é que o relacionamento vai de mal a pior e ao invés de terminarem e cada um buscar a sua felicidade preferem se iludirem de que vai melhorar. 
O que eu espero é bem diferente. Quando se gosta da vida que se leva, você não muda por qualquer coisa.
Existe sim, vida na solteirice e muito boa.
Sou livre, vou para onde quero, faço o que bem entendo, curto minha TPM (ponho fogo em Roma)sem amolações,durmo na minha cama queen como um Cristo Redentor sem roncos, flatulências e pés gelados de ninguém. 
Gosto de não ter que fazer nada por obrigação. De viver sem angústia, sem traição, sem ciúmes, sem desconfiança. De viver.
E acredite se quiser adoro ficar sozinha e ouvir a voz do silêncio!
Eu aprendi a viver com a minha solteirice e acho difícil mudar esse estado civil tão cedo, pois na minha idade é muito difícil que apareça alguém e se surge é comprometido, separado com relação complicada com ex e filho ou muito mais muito mais velho.
De verdade, do fundo do coração, eu estou muito bem solteira.
Me deixa aqui quietinha com a minha vida espetacular de solteira.
Por que eu estou solteira?
Acredite se quiser, mas é porque EU QUERO!
A vida é feita de escolhas e eu fiz a minha, não espero que as pessoas aceitem, mas respeitem!
Não tenho vergonha nenhuma de ser solteira.
Quando se tem uma certa maturidade e se é bem resolvida lidar com a solteirice se torna fácil.
O importante é estar feliz consigo mesma.
Ah, mas, algumas pessoas devem estar querendo me fazer aquela famosa pergunta:
-Ah, Millena, mas, ninguém vive sem amor e por que você viveria?
Eu respondo com aquela famosa frase do Doutor House:
-Você não vive sem amor?O oxigênio é o mais importante!
As pessoas não vivem é sem oxigênio que é essencial para que possa respirar.
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

2 comentários:

  1. Hahahaha, amei! É como me sinto. Tenho 26 anos, e as pessoas não cansam de me perguntar pq eu não tenho namorado. Ouço coisas do tipo: "Vc é muito exigente!", "Assim vai morrer sozinha", "Os que te querem vc não quer..." entre outras...
    Quando digo que casar não é minha prioridade de vida, que não quero ter filho, vishe!!! Daí só faltam querer me internar. É bizarro! hahahaha
    Eu quero um namorado, mas eu não vou sair correndo atrás de qlqr um. Eu tenho plena certeza que ainda não o conheci, e se for para ter um relacionamento sem está apaixonada, posso "pegar" qualquer homem que esteja na fila do banco, pq para mim seria a mesma coisa.
    Enfim, seu texto é ótimo, gostei muito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flávia,
      Que bom que você gostou do texto!
      Eu apenas escrevi o que eu penso sobre ser solteira!

      Excluir



Receitas da Millena

Atualidades

Relacionamentos

Internet