• Titulo 1 Receitas deliciosas para você arrasar na cozinha!
  • Titulo 2Dicas e posts de ajuda para blogueiros/as
  • Titulo 3Papo sobre relacionamentos, amor, separação...
  • Titulo 3Tecnologia, partilha de dicas e muito mais!
  • Titulo 3Depoimentos e histórias
1 2 3 4 4
Image Slideshow by WOWSlider.com v4.8

Eu não sei qual atitude tomar, cheguei a pensar que ele tinha outra mulher!


Leitora:Olá Millena, descobri seu site numa busca do google, e comecei a acompanhar seus conselhos, curto muito seus conselhos. Eu conheci meu ex-namorado há mais ou menos 5 anos atrás, ele dava aulas na faculdade que eu estudo, ficamos amigos, conversávamos sobre muitas coisas, trocamos emails, e algumas vezes tomávamos café na cantina do campus. Depois de 4 anos ele foi trabalhar em São Paulo, e ficamos distantes, mas em meados de 2014 ele me procurou no Gtalk e conversamos, eu havia saido de um relacionamento de 3 anos fazia 4 meses, e ele por sua vez havia saido de um relacionamento de 1 ano e meio fazia uns dois meses, eu acredito ser pouco tempo para superar, mas conversamos e decidimos almoçar juntos, e foi tudo tão gostoso que acabamos nos beijando, só que ele havia conseguido um trabalho no RS, então acreditei ser meio que uma despedida, só que começamos a conversar diariamente por whats, telefone, skype, e fomos nos aproximando cada vez mais, parecia que tinhamos muitas afinidades, e muita sintonia, depois de 6 meses ficando quando dava para nos ver, isso deve ter dado um total de 7 encontros, ele me pediu em namoro em janeiro de 2015, eu estava muito feliz com ele, mas tinha medo pela distancia (não que eu nao acredito em relacionamentos a distancia, ja tive alguns duradouros, e só terminou por pisada de bola), e também tive medo por estar passando por problemas financeiros com a minha familia. E como sou muito transparente em tudo o que eu falo e penso, acabei colocando essa situação para ele no dia, e ele me disse que "eramos muito amigos, e que poderiamos ser parceiros, que namoro existe para um apoiar o outro, e que ele se sentia muito bem comigo", achei a coisa mais fofa e acabei aceitando. Eu gosto muito da companhia dele, curtia quando estava com ele, quando falava com ele por telefone, eramos sempre muito carinhosos um com o outro, ele me apoiou em um momento tenso da minha vida, assim como eu também o fiz com ele. Só que de maio para ate o momento que terminei, ele mudou drasticamente comigo, nossas conversas foram ficando curtas, e ele estava sempre cansado para falar comigo, quando estava comigo fisicamente presente, parecia que a cabeça dele nao estava ali, ele é um rapaz muito tenso e timido, e eu fui ficando desesperada, comecei a me sentir o pivo dos problemas dele, tentei conversar, tentei de várias formas traze-lo para perto de mim novamente, mas ele foi me distanciando cada vez mais. Quando perto na semana do dia dos namorados, ele começou a sair com os amigos todos os dias e mal falava comigo, (quero deixar bem claro, que não ha nenhum problema sair com os amigos, o problema foi ele me excluir da forma como fez, onde acabei ficando com ciumes), mas nunca brigamos por nada, nem por ciumes. No dia dos namorados em vez dele me ligar e conversar um pouco comigo, ele preferiu sair com os amigos, e tudo isso foi me entristecendo muito. E no sabado do dia 13 acabei terminando com ele por telefone quando ele chegou na casa dele, porque eu jamais ligaria em um momento em que ele estaria com os amigos ou trabalhando, disse como estava me sentindo, choramos muito, dissemos nos amar muito, mas que estava dificil como estava, quando desliguei o telefone, me arrependi de ter terminado e queria resolver com ele, mas como ja era muito tarde, ele disse que precisava dormir, entao deixei para ligar no dia seguinte, e assim o fiz, pedindo para voltar, mas ele disse estar confuso, perdido, que estava muito magoado comigo e que precisava de tempo, e esse tempo tem durado uns tres meses, nesse tempo que esta passando liguei varias vezes para ele para conversarmos, mandei emails, SMS, ele chegou ao ponto de excluir o Whats do telefone dele, e ele se mantem firme na ideia dele de que eu fui muito impulsiva e que isso o afastou muito, e que precisava pensar, se reencontrar, que me ama muito, mas que me amar atualmente estava sendo doloroso para ele, tentei de várias formas resolver isso, afinal o amo muito, mandei video de declaração, queria apenas conversar, cheguei a perguntar se ele queria que eu o esquecesse, mas ele disse que às vezes queria, e às vezes não queria. Eu sou muito decidida, infelizmente não sei lidar com incertezas. Eu não sei qual atitude tomar, cheguei a pensar que tinha outra mulher na jogada, mas quando perguntava a ele sobre isso, ele dizia nao ter ninguem, precisar ficar sozinho, e se surgisse alguém eu seria a primeira pessoa a saber disso. Eu estou muito perdida, pois acredito que quem ama quer estar junto, quer resolver as coisas juntos... Ha uns dois dias atras mandei um sms pedindo para resolvermos isso e nao nos machucarmos mais, mas nao obtive respostas, e resolvi respeitar o silencio dele. Gostaria de saber seu ponto de vista sobre isso. Eu não sei há chances de voltarmos a ficar juntos. Desde ja agradeço sua atenção. E te desejo muito sucesso no seu trabalho com este site e em todos os sentidos da sua vida.
Relacionamento a distância é complicado e na maioria das vezes acaba porque o sentimento não consegue superar e nem sobreviver a ausência da pessoa de corpo presente.
Se relacionar com alguém apenas por mensagens, ligações, internet, redes sociais parece ser um facilitador para encurtar a distância, mas, no final acabasse ficando mais longe da pessoa.
Um relacionamento a distância a pessoa tem que ter muita maturidade e seriedade para aguentar as saudades e as tentações por estar longe. 
Já tive relacionamentos a distância e te digo que é como uma menstruação que vem uma vez no mês e depois só retorna no próximo.
Relacionamento é convivência e a distância não tem como fazê-la.
Com o tempo a pessoa acaba cansando da rotina e a ausência levando ao término ou a traições.
Dificilmente dá certo e só dará se um ou outro resolverem encurtar essa distância e tornar o relacionamento mais presencial, real e concreto.
Infelizmente, não existe essa possibilidade na maioria dos relacionamentos a distância.
O que aconteceu com o seu relacionamento é que seu ex perdeu o interesse e cansou da rotina.
Mesmo ele estando presente quando vocês se encontravam, apenas o corpo dele estava contigo, mas, o coração e o sentimento já não eram mais o mesmo e você tinha percebido só não tomou nenhuma atitude para que isso não acontecesse.
Você deveria ter chamado ele para conversar seriamente e perguntado o que estava acontecendo naquele momento, mas, ignorou os indícios de que seu relacionamento tinha algo de errado.
O fato dele preferir sair com os amigos em pleno dia dos namorados contigo indicava que os amigos tinham mais importância para ele do que a namorada.
Você já deu tempo demais a ele já se foram três meses e quem marca o tempo é relógio e ele vive em movimento.
Enquanto, você fica parada e iludida achando que ele voltará pra você, ele sai com os amigos e fica com outras garotas e ainda tem a cara de pau de te dizer que quando tiver outra te contará.
Será mesmo que te contará?E você irá querer saber?Para que?Sofrer?
Provavelmente ou melhor ele já está interessado em outra pessoa.
Eu te aconselho a esquecê-lo, parar de correr atrás e tocar a sua vida pra frente.
Ele está só te ignorando e demonstrando que não te quer mais e você, boba só indo atrás e sendo dispensada.
Como você mesma disse que " acredita que quem ama quer estar junto, quer resolver as coisas juntos"parece que falta colocar essa sua visão na prática ou seja cair em si e abrir os olhos que esse rapaz não te ama mais e nem quer resolver nada contigo, pois já está tudo muito bem resolvido na cabeça dele agora falta na sua.
Parte pra outra que é o melhor que você faz do que ficar esperando esse rapaz tomar uma decisão.
Ele já tomou, não te quer mais.
Te Cuida!Espero ter te ajudado!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

2 comentários:

  1. "pois acredito que quem ama quer estar junto" , foi voce que terminou com ele, agora se deixou ele confuso, a culpa foi tua, não espere recuperar um ovo depois que ele caiu no chão. Tem pessoas que se magoariam muito em serem chutadas, talvez ele pode ser uma dessas pessoas.

    ResponderExcluir
  2. Putz grila, esse Stan aí come paçoca de merda... É claro que ela não agiu da maneira correta, deveria ter perguntado a ele o que acontecia, tendo em vista todos os indícios descaso.
    Mas, porra, o cara está pouco se cagando para ela, não dando a mínima para a pessoa, para o tempo que ela perde com ele. Poxa, isso já demonstra muito sobre a personalidade do cara, de que ele não tem o mínimo de caráter e respeito para/ com o próximo, quando não mais lhe convém a convivência... Se ele tivesse ao menos um pouco dessas virtudes, que supracitei, ele teria a chamado para conversar e explicar-lhe o lado da história. Mas, o que ele fez? Foi um merdinha, agindo que nem criança, achando que o relacionamento é só o lado dele.
    E agora sem dizer que ele pode ter ficado ressentido? E o descaso que ele fez dela? Não a machuca também?
    Sinceramente, fico com medo da mentalidade dos homens de hoje...
    E tua, mulher, também tem sua parcela de burrice. Para que se humilhar em algo que foi culpa dele? Para que endeusá-lo? Para ele se achar o pica das galáxias para você, e assim fazer ainda mais descaso da sua pessoa?
    Santa baixa autoestima.

    ResponderExcluir



Receitas da Millena

Atualidades

Relacionamentos

Internet