• Titulo 1 Receitas deliciosas para você arrasar na cozinha!
  • Titulo 2Dicas e posts de ajuda para blogueiros/as
  • Titulo 3Papo sobre relacionamentos, amor, separação...
  • Titulo 3Tecnologia, partilha de dicas e muito mais!
  • Titulo 3Depoimentos e histórias
1 2 3 4 4
Image Slideshow by WOWSlider.com v4.8

Tenho 30 anos e não namoro.


Leitor:Olá, Millena. Gostaria de pedir uma opinião e alguns conselhos.Primeiramente, vou explicar minha história (vou tentar resumir, mas desculpe se ficar um pouco grande).Há uns 4 anos e meio consegui minha primeira namorada por meio de um site de relacionamentos (na época começamos com uma amizade, e depois eu me declarei pra ela - o que eu acho que foi um erro meu, sei lá, explico depois). Nas primeiras semanas ela era de um jeito, mas depois mudou e ficou cada vez mais fechada, mais triste, e principalmente mais confusa. Por conta do que uns amigos dela diziam (por eu não ser da mesma religião dela e tal - até de endemoniado fui chamado só por isso; embora eu tenha minha fé e acredite em Deus mesmo sem seguir uma religião ainda) acabei dando um tempo na relação depois de 1 ano e meio.Nesse meio tempo, conheci uma outra garota pelo Facebook, mas nem rolou nada, pois, antes mesmo de aparecer essa chance, fui dispensado sem mais nem menos como um lixo qualquer. Aquilo me despedaçou.Pouco tempo depois retomei com a garota que tinha dado um tempo, mas foram quase 3 anos de uma relação meio chove-não-molha onde, apesar de eu dedicar todo o carinho e amor pra ela, o contrário não acontecia. Dizia ela que não conseguia, que tentava mas não dava certo. Como era um relacionamento a distância (outro ponto ruim) sempre que eu podia ia vê-la, na casa dela (inclusive conheci a mãe dela, que gosta muito de mim) - mas ela nunca veio conhecer meus pais ou me visitar (quando vinha, era pra ver parentes, e se eu quisesse teria que ir até ela.Mencionei que foi um erro eu ter me declarado, e isso porque ela nunca se decidiu direito o que queria: ora dizia que queria o namoro, ora dizia que a distância era ruim e não dava mais. E eu, trouxa, sempre dava chance (principalmente por eu ser muito paciente).O problema é que o tempo passa (ela hoje tem 25 anos, e eu 30 - e estamos encarando um término meio confuso onde ela ainda não se decidiu sobre o que quer, enquanto eu tento viver um dia de cada vez). Ela até diz pra reatarmos, mas fala que é apenas pra eu me sentir bem (E quanto a ela, eu sempre me pergunto. Pra mim isso não seria reatar por amor, mas por pena ou culpa, sei lá). Fora que sempre muda de ideia, ou fica de saco cheio, sei lá. Sinto que não sou mais amado.Também é importante eu mencionar que sempre fui muito caseiro e tranquilo: atualmente estou cursando o segundo semestre da faculdade de Jogos Digitais (pois pretendo trabalhar com isso), e viso conseguir algum emprego relacionado ainda este ano, mesmo que seja temporário. Sempre fui um rapaz meio "diferente" do habitual: nunca fui de procurar sexo ou de ter condutas impróprias (nem sei se isso é bom, só sei que é minha conduta).Já me disseram que sou um cavalheiro, trato bem as pessoas, converso bem, etc, mas o problema é justamente o tempo - tenho 30 anos já.Lendo outros blogs vi opiniões que giravam entre o "Invista em si pois ainda tem chance" até o "Nessa idade não é possível conseguir mais nada, a não ser 'sobras'. "Resolvi escrever e pedir um conselho aqui porque conheço o blog e sigo há algum tempo (até já pedi conselhos antes, sobre a garota que eu namorava).Queria uma opinião sua e um conselho. Ainda tem jeito pra mim? O que devo fazer? Devo ter esperança, ou desistir de uma vez de amar? É meio ruim ter vontade de dar e receber amor, mas não ter ninguém pra compartilhar todo esse sentimento que guardo aqui dentro, sabe...Nem sei se vai responder essa mensagem, mas de toda forma agradeço pela atenção.Sucesso com o blog, Millena.
Pois, eu vou te dizer que tenho 38 anos, não namoro e nem vejo o fato de estar solteira como um problema.
Aliás, não troco minha liberdade por nada e nem ninguém.
Vamos por partes ao seu caso.
A primeira namorada que você conheceu através de um site de relacionamento, simplesmente não tem personalidade alguma e nem tinha sentimento pela sua pessoa, já que se deixou levar pelos amigos que encheram a cabeça dela de bobagens de chamando de demônio e com preconceito de não ser da mesma religião dela.
Era uma maria vai com as outras e já foi tarde na sua vida, ainda bem que acabou.
A segunda garota que você conheceu através de uma rede social não quis nada contigo e te dispensou friamente.
Eu sei que é ruim ser dispensado, mas, veja o lado bom, antes, você ficar sozinho do que ao lado de alguém que não te quer. 
Mesmo depois de ter passado por toda a situação com a primeira garota, você ainda insistiu num possível relacionamento com ela novamente apesar do preconceito, da distância e dela não demonstrar sentimento pela sua pessoa.
Tudo que começa errado acaba mal.
Tentou uma vez não deu certo, dificilmente dará na segunda, terceira , quarta...
O primeiro conselho que vou te dar é pra você ter amor próprio e se valorizar, não voltando com essa garota que só está mesmo te usando e nada mais.
Enquanto, não aparece  outra pessoa, ela vai brincando com os seus sentimentos , mas, quando aparecer alguém melhor na vida dela, você irá ser dispensado.
Se ela não decidiu o que quer nessas duas vezes estando ao seu lado é porque não tem sentimento pela sua pessoa.
Quem ama não tem dúvida alguma e uma coisa é certa, ela não te ama de verdade e nem nunca te amou.
O teu problema não é o tempo, mas, as suas escolhas.
Pela afobação e pressa de arrumar alguém, você está só arranjando mulher que não vale a pena e que não te merece.
Você é novo e tem toda uma vida pela frente para encontrar alguém pra ser a sua namorada e tenha sentimento pela sua pessoa.
Não acho que na sua idade, você só ficará com as sobras, pois, as pessoas estão cada vez mais se casando depois dos 30, porque investem na carreira primeiro para só após obterem uma vida estruturada iniciarem um relacionamento duradouro e verdadeiro.
Você tem jeito e não deve perder as esperanças no amor.
O homem quanto mais velho vai ficando mais bonito e atraente aos olhos femininos.
O segundo conselho que te dou é não ficar buscando garotas em sites de relacionamento, redes sociais e aplicativos de namoro, pois uma boa parcela dos cadastrados não querem namoro e sim aventura, sexo e curtição.
Esquece o tempo e continue sendo o que você é, um gentleman, que irá conhecer alguém bacana, legal e interessante.
Te Cuida!Espero ter te ajudado!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

2 comentários:

  1. Obrigado, Millena. Sou quem escreveu pedindo conselho. Me ajudou muito. De verdade. Obrigado novamente por ter respondido meu apelo. Vou começar a cuidar de mim, investir em mim, nos meus talentos, carreira e estudos. Aprender a viver bem mesmo sozinho. Em liberdade, ao invés de solidão.
    Desejo sucesso com o blog e também em sua vida.
    Novamente agradeço ^_^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De nada, precisando me escreva quando quiser pra pedir outros conselhos.
      Te cuida! Beijos e abraços afetuosos!

      Excluir



Receitas da Millena

Atualidades

Relacionamentos

Internet