• Titulo 1 Receitas deliciosas para você arrasar na cozinha!
  • Titulo 2Dicas e posts de ajuda para blogueiros/as
  • Titulo 3Papo sobre relacionamentos, amor, separação...
  • Titulo 3Tecnologia, partilha de dicas e muito mais!
  • Titulo 3Depoimentos e histórias
1 2 3 4 4
Image Slideshow by WOWSlider.com v4.8

Não sei o que fazer e me sinto confusa e machucada!


Leitora:Bom, namorava um garoto tem 1 ano e 9 meses. Brigávamos muito, geralmente eu era a mente fechada e a grossa. Eu passei um tempo por uma depressão, que me fez ausentar das redes sociais e esfriar com ele(não fiz por mal, eu só não estava bem). Pedi um tempo por isso, passei 1 mês tentando resolver essas crises emocionais. Depois voltamos. Exatamente 3 meses depois percebi umas mudanças de comportamento nele. Começou a ficar frio, irredutível e grosso. E eu cometi o segundo maior erro, apontar esse erro e cobrar mudança. Eu percebi também que não era esse mar de rosas e mudei. Eu fiquei mansa e mais sensível pra ver se baixava a guarda dele... mas nem isso. 30 de dezembro ele ficou assim novamente e eu estava tão abalada emocionalmente, acabei falando do fato dele está "frio" e tivemos uma briga intensa. Eu acabei magoada e mandei ele apagar meu número. Passei 1 semana tentando superar, mas não deu. Eu pensei "estou fazendo tudo errado" eu fui no fundo do baú atrás de todos os meus erros, refleti e me perdoei por todos meus erros. Foi quando decidi mandar mensagem, dizendo que queria conversar, estava confusa e queria entender o que estava acontecendo e o que aconteceu com "nós". No início até o fim da ligação ele foi mente fechada e rude. Eu aguentei, eu sabia que não estava certa para reclamar. Ele propôs amizade, eu neguei mas o fato de poder perdê-lo me fez aceitar a amizade. Uns dias depois me bloqueou das redes sociais, eu não entendi. Tentei entrar em contato, eu não conseguia mais dormir e parar de chorar. Eu precisava dele! mandei mensagem implorando para não desistir de mim, que ainda amava ele. Ele começou a ignorar, até que um dia respondeu. Disse que estava machucado, que era melhor tá solteiro, mesmo que sentisse saudade. Que o fato de eu dizer que ele "não fazia nada" na nossa relação começou a desmotivar ele. Eu não consigo dizer adeus, eu ainda amo ele. Não consigo me desfazer! Eu marquei para falar pessoalmente com ele, ele aceitou. Mas não sei o que fazer... me sinto confusa e machucada, sem falar que ele colabora pra isso.
Você passou por uma situação difícil que a maioria das pessoas não entendem o que é depressão. 
Para muitos a depressão é frescura mas é uma doença que se não for tratada vai só avançando e chega um estágio cada vez mais grave.
O afastamento parece que demonstrou a ele que tinha algo de errado no relacionamento de vocês.
As grosserias, brigas, friezas e outras séries de comportamento só davam indícios de que a convivência estava mal e que cedo ou tarde o término é inevitável.
Você ter tentado demonstrar mudança ou melhor aceitando tudo desse rapaz  pra ver se ele baixava a guarda só agravou mais a situação.
Depressão não se cura em um mês e para resolvê-la é preciso de tempo.
Quanto mais você correr atrás desse rapaz mais ele irá te dizer não e se você o quer de volta terá de reconquistá-lo para que volte a te admirar como mulher e sentir a sua falta.
Amizade quando acontece um término de namoro dificilmente acontece de fato, porque a maioria das pessoas não conseguem lidar com a situação e confundem se iludindo com uma possível volta que geralmente não acontece.
Para ser amigo de ex tem que ser muito bem resolvida e o término tem que ter sido de forma civilizada.
É muito pouco tempo de término e por isso ainda existe sentimento entre os dois, mas não seja precipitada de ficar correndo atrás, fazendo drama e implorando o amor dele.
Não se engane, ele apenas aceitou conversar contigo para ver se você dava sossego e colocava um ponto final.
Nesse momento ele está magoado e precisa de um tempo só pra ele para pensar no relacionamento de vocês dois.
Você o quer de volta?
Pare de mendigar o amor dele.
Eu vou te aconselhar que na conversa de vocês dois abra o seu coração e diga a verdade sobre o quanto errou e que sabe que tem de mudar para dar certo.
Escute-o também.
No final, vocês chegarão a um acordo de darão uma nova chance ou não.
Se acaso for sim demonstre mudança de comportamento da sua parte e perceba se há dele também, mas, se for não, dê um tempo a ele e siga a sua vida tentando esquecê-lo.
Quanto mais pressioná-lo mais ele se afastará de você.
Te Cuida!Espero ter te ajudado!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Um comentário:

  1. Moça, não dá pra superar um depressão em 1 mês como a Millena mesmo disse e nem dá pra superar um término em uma semana!

    Não mendigue o amor dele, isso não vai funcionar! Eu já conheci pessoas que estavam no lado oposto, no lugar dele. Eles queriam terminar o relacionamento mas não conseguiam pq a outra pessoa ficava insistindo, implorando, fazendo drama, chantagem emocional etc então eles não terminavam por pena ou por medo de a pessoa fazer alguma besteira mas estavam infelizes e sempre pensando em como iriam se livrar daquela situação da melhor maneira possível... Em nenhum dos casos deu certo, eles não se acertaram novamente e acabaram só prolongando o sofrimento até terminarem de vez... Vc realmente quer que alguém fique com vc por pena??? Vc quer ser a pedra no sapato que ele não consegue tirar?

    Já que ele aceitou conversar com vc, converse com ele, reconheça os seus erro, fale que vc ainda gosta dele e que gostaria de tentar de novo... Se ele disser sim, ótimo, só tome cuidado para não cometer os mesmos erros novamente mas se ele falar que não, não insista, respeite o espaço dele não tente o obrigar a ficar com vc!
    Trate a sua depressão, reorganize a sua vida, cuide de vc.

    ResponderExcluir



Receitas da Millena

Atualidades

Relacionamentos

Internet